Friday, February 17, 2006

Profecia e História

Cultura Maia:
esperanças, profecias e evolução:

A continuação de um estudo baseado na mensagem de alerta e de esperança que a cultura maia deixou registrado para nossa humanidade atual, para os tempos de mudança do ultimo grande ciclo polar de 5.125 e especialmente do ultimo KATUN o período de 20 anos do ultimo ciclo solar, ou seja, de 1992 al 2012 de nosso calendario solar.

Ass “7 Profecias Maia”, estão baseadas em conclusões sobre estudos cientificos e religiosos sobre o funcionamento do Universo.

Quem eram os maias?

O primeiro registro que se tem dos maias data do ano 600 a.C., tempo em que apareceram simbologias talhadas nas pedras. Em 300 d.C., começa o desenvolvimento dos maias, seres que dedicaram sua vida a estudar e registrar a galáxia.

Os maias construiram suas maravilhosas cidades, seus lugares cerimonais e suas piramides ao Sul do México, na provincia de Yucatán, Honduras e Guatemala.

Deixaram gravados na pedra suas mensagens de tempo, do curso do Sol, da Lua, de Venus e o caminho para a humanidade se dirija até o crescimento da Luz da Nova Era, onde não haja o materialismo e a autodestruição.

Depois de quase 600 anos de intensa atividade construtora e de um assombroso desenvolvimento cientifico no ano de 830 d.C., todo o povo maia desaparece de maneira voluntária e consciente. Abandonaram suas cidades, suas casas, seus templos religiosos momento de maior desenvolvimento de sua civilização, deixando intactos e pouco a pouco devorados pela selva.
Depois de 200 anos aproximadamente desde o abandono, a maioria de suas cidades desapareceram entre a selva e algumas delas foram repovoadas novamente.
No ano de 940 d.C., o Rei tolteca chamado como “Serpente de Luz Emplumada” conduz seu povo até o sul, fugindo da invasão bárbara dos chichimecas do norte, que haviam destruido sua capital, TULA.

Os toltecas ocuparam novamente algumas das cidades maias abandonadas fazendo-as renascer, porém nunca chegaram aos mesmos niveis de desenvolvimento.
A época maia-tolteca dura desde o ano 1000 até 1350 d.C., quando começam a desaparecer lentamente.

No ano de 1500 d.C., quando chegam os conquistadores, a maioria de suas cidades estavam novamente cobertas pela selva e para o ano de 1700 o pouco que ficou já não existia mais.
Das investigações sobre as ruinas de suas cidades, do estudo das datas e os números talhados em seus muros, de seu exato calendário, de seus códices e livros sagrados, estão reaparecendo conhecimentos q estão sendo decifrados com suas misteriosas mensagens de alerta e esperança.
A palavra MAYA vem de “MAYAB”, que significa: “lugar do planeta Terra chamado Yucatán”. Para dos Hindús a palavra MAYA significa ILUSÃO; MAYA também significa Mente, Magia e Mãe.“MAYA, MAYAA y MARIA” são uma mesma palavra e curiosamente a mãe de Buda se chamava MAYA e a mãe de Jesus se chamava MARIA.

Nosso mes de MAIO leva o nome da e de la diosa romana MAYA; a deusa da Primavera, do Florescimento. Na filosofia esotéria a palavra MAYA representa uma mente que se libera do corpo para mover-se a grandes distancias com plena consciencia.

Dizem os maias que a primeira profecia tem a ver com o final do medo em nosso mundo de ódio e materialismo. Dizem que terminará no sábado, 22 de dezembro de 2012.
Será então quando a humanidade terá que escolher entre desaparecer como raça pensante que colabora com a destruição do planeta ou evoluir até a integração harmonica com todo o universo, compreendendo que tudo está vivo e consciente, que somos parte deste todo e podemos existir em uma Nova Era de Luz.
Só de maneira individual se pode atravessar a porta que permite evitar o grande cataclisma que sofrerá o planeta para dar começo a uma nova era, um sexto ciclo do Sol de 5.125 anos.

É assim um momento evolutivo curto porém uma etapa muito intensa, dentro dos grandes ciclos onde se produzem mudanças muito rapidamente para inpulsionarmos uma nova etapa de evolução como individuos e como humanidade.
Estamos em um período de NÃO TEMPO e como indivíduos temos que tomar uma decisão que nos afetará a todos, caso continuemos com este curso negativo de ódio uns pelos outros, de destruição da Natureza, de medo e egoismo.

Iremos direto a destruição e ao caos, desaparecendo como espécie pensante do planeta.
Se tomamos consciencia e nos damos conta que todos formamaos parte de um grande organismo gigantesco, que devemos respeitar uns aos outros, que devemos sanar a Mãe Terra e ocupar-nos de sua limpeza, iremos direto ao crescimento positivo.

A natureza, nosso Sol, a Galáxia, estão esperando nossa decisão. De nós depende o sentido que adotará o caminho dos tempos; se será uma etapa de dor e destruição ou pelo contrário, nos encontrará unidos em uma mesma consciencia coletiva dirigidos até o seguinte ciclo.

Conclusões:

As sábias culturas antigas predisseram que estamos em plena mudança evolutiva da espécie humana e são muitos e diferentes os canais pelos quais se chega ou se recupera a inforrmação já existente. O importante não é quem o diz ou como se diz, o importante é que na essencia somos todos mensagens aos outros e a nós mesmos e essa é uma comprovação, sem que se queira, de que efetivamente é assim.

Muito além de nossa vida limitada e cotidiana, muito além do que alguns dizem chamar “MATRIX”, ou seja, essa realidade não real que cremos viver, este vestir de “Ser Humano” como diz Kryon,ou esse “ser inconsciente de nosso espirito para iver no medo e o materialismo”, como dizem os maias; estamos vivendo um ciclo de mudanças definitivas para a espécie humana, mudanças que devem proceder do interior do individuo e que devem ser realizadas individualmente para que, unidos aos demais, alcancemos a consciencia necessária para que a "Nova Era", a "Nova Jerusalén" ou a a “Nova Era de Luz” seja uma realidade a qual viveremos a partir de 2012.

Alguns sabemos positivamente que assim vai ser, outros necessitam “despertar” e tomar consciencia disso, de sua espiritualidade, de sua iluminação. Em qualquer caso nosso compromisso é e deve ser fazer da consciencia uma realidade em nossa vida cotidiana.

Viver a vida fisica, além da vida espiritual, com a consciencia tal qual somos, no momentos histórico que vivemos, como podemos contribuir com a mudança desde nossas próprias vidas até a dos demais, e como nos relacionaremos desde o amor em todas as circunstancias da vida cotidiana, respeitando a tudo o que existe no mundo e no universo, porque SOMOS TODOS UM....todos somos nós e nós somos todos.

Os animo a viver a consciencia no dia a dia para que, desde agora até 2012 possamos contribuir com nossos atos cotidianos a criar uma Nova Era de LUZ, para viver nela com amor, plenitude e sabedoria.

2 Comments:

Blogger Betinho said...

Nossa,adorei!Parabéns!

4:55 PM  
Blogger Cristiane said...

Muito bom

7:37 PM  

Post a Comment

<< Home